Agridoce

Opinião com um gosto agridoce.

Posts Tagged ‘reciclagem’

O que as enchentes têm em comum com a civilidade?

Posted by Andrea Fu em 02/06/2010

jogando-lixo1

Há uns meses, indo para o trabalho, me deparei com uma mulher andando a minha frente, logo ali na Rua Aurora, em direção ao metrô República. Uma ótima aparência, roupa social, bolsa preta, estava de costas e, provavelmente não percebeu a minha presença. Em dois segundos, sem ao menos conversar com ela ou olhar em seus olhos, consegui saber o que era: uma porca. A bela moça, remexendo em sua bolsa, pegou um maço de cigarro e, sem nem tentar disfarçar, jogou-o inteiro no chão, como se fosse sua casa e lá estivesse sua lixeira. O que se seguiu foi muito mais interessante, mas conto para quem se interessar.

Leia o resto deste artigo »

Posted in Educação, Lixo, Notícias do Dia | Com as etiquetas : , , , , , , , , , , , , , , , , , | 3 Comments »

E por falar em reciclagem… o retorno

Posted by Andrea Fu em 05/09/2009

2137735126_beab1b454f

Admito que o Agridoce ficou bastante “natureba” ultimamente. O ponto é que o mundo precisa de algumas mudanças e acredito que cada um fazendo um pouco, melhora muito. Mas porque vou falar de reciclagem novamente, se escrevi praticamente tudo o que podia?

Acontece que, no mesmo dia que eu resolvi escrever sobre a Carona Solidária, estava indo para uma entrevista de emprego numa empresa que trabalha com bio energia e peguei um informativo deles. Achei que era somente sobre um evento que eles promoveram recentemente, mas ao final de algumas colunas descobri dicas e curiosidades sobre reciclagem, que gostaria de compartilhar com vocês.

A fonte é da Infinity Bio-energy, no site do evento de Rally que a empresa promoveu. As dicas (com comentários meus) sustentáveis são:

– Tomar banhos rápidos: 15 minutos consomem 243 litros de água (muita coisa hein??)

– Instale um aquecedor solar pra complementar a eletricidade e o gás – há aquecedores com preços a partir de 750,00, com instalação a parte, o que faz economizar gastos com luz em mais de 5 mil reais por ano.

– Ao jogar papéis fora, nunca os amasse. O papel amassado não serve para a reciclagem. Em vez disto, rague-os ao meio ou em pedaços;

– O lixo organico facilmente vira adubo e pode produzir energia. o resto poderá ser reciclado, evitando a extração de recursos naturais;

– Plante árvores, mobilizando seu bairro ou rua. As mudas são fáceis e mito baratas de conseguir;

– Proteja as florestas. Você não precisa se armar e fazer vigília em nenhuma floresta, mas há produtos provenientes de mata sustentável, o que evita o desmatamento de reservas naturais;

– Use mais transportes coletivos e menos carro. Eu falei sobre isto no poustè Carona Solidária;

– Roupas usadas podem ser doadas a outras pessoas;

– Use produtos reciclados;

– Utilize ao máximo o alcool como combustível, se for impossível deixar o carro em casa. A conversão do carro a alcool é barata e o combustível também.

Além disto, a empresa dá informações sobre o tempo que um material leva para entrar em composição. Ninguém acredita, mas a idade a que uma garrafa pet pode chegar, faz com que você sinta que sua vida é curta:

– Papel: 3 meseslixo

– palito de fósforo e bitucas de cigarro: de 6 meses a 2 anos (não joguem bituca e palitos nas ruas. Isto é porco e faz mal ao meio ambiente)

– Chicletes: 5 anos – não lembro onde eu vi a reportagem, mas a cidade grega Atenas proibiu o comércio e o consumo de chicletes. Isto se deve aos 27 kilos de chicletes recolhidos em monumentos históricos da cidade.

– Sacos plásticos: 30 a 40 anos – a moda agora é usar sacola de pano. Eu tenho a minha e é muito fácil encontrar estas sacolas nos próprios supermercados. Aquela pequena compra pode evitar o saco plástico

– Garrafa de plástico: mais de 100 anos – já que não dá pra reutilizarmos tudo que usamos, juntem e mandem para a reciclagem. A natureza agradece.

– Tecido: até 400 anos – Doem suas roupas em vez de jogar no lixo. Muita gente precisa delas. Ou reaproveitem para montar outras roupas ou coisas com tecidos.

– Latas de alumínio: até 500 anos – pode ter o mesmo destino das garrafas de plástico: reciclagem

– Fraldas descartáveis: 600 anos – é.. difícil. Lavar fralda de pano ou não? Ensinem seus filhos a usarem o troninho antes.. ou parem de ter filhos, oras… Brincadeira.

– Vidro: mais de 4000 anos – parem de quebrar pratos e copos e reutilizem aqueles potes de maionese ou molho de tomate que compram frequentemente.

Bom, não tenho mais o que dizer sobre isto. Aproveitem as dicas e tentem melhorar nosso mundo.

Posted in Atividades, Comportamento, Cultura, Lixo | Com as etiquetas : , , , , | 1 Comment »

E por falar em reciclagem.

Posted by Andrea Fu em 19/05/2009

mundo20-20reciclagem

Faz alguns dias que vejo na TV assuntos relacionados à reciclagem de materiais. Claro que sempre vejo reportagens ou tutoriais sobre o assunto, mas ultimamente é só nisto que falam.

Em Agosto de 2008 havia um amigo aqui em casa. Ele mora na França e veio nos visitar. Ficou vários dias aqui e uma das primeiras coisas que perguntou foi se a gente reciclava o lixo. Não, ele não queria nos educar, muito pelo contrário. Ele queria ser educado, jogando o lixo no lugar certo. Como eu disse que não fazia (que vergonha) jogou onde podia mesmo.

Reciclar é a reutilização de detritos como matéria prima para outra utilização. A separação do lixo por categoria facilita muito a reciclagem e faz com que estes materiais sejam corretamente reciclados e com poucas perdas. Segundo o site Setor Reciclagem, estas categorias são separadas por cores padronizadas, como o esquema abaixo:

Padrões de Cores para a Coleta Seletiva

Padrões de Cores para a Coleta Seletiva

O Brasil não tem esta cultura de reciclagem, como outros tantos países. Somente 2% do lixo produzido no Brasil é reciclado. Isto porque as famílias brasileiras não procuram a coleta seletiva. Isto mesmo! Quando uma família separa o seu lixo, não adianta deixar na rua para que o caminhão de lixo o leve. Eles vão colocar no caminhão, que irá amassar e engolir o lixo, para ser jogado no aterro mais próximo.

Se você mora em apartamento, não adianta separar o seu lixo e colocar naquele latão de lixo que fica na sua escada de incêndio, pois o seu zelador não fez a programação para a coleta seletiva naquele dia. Movimente o seu prédio para fazer isto, se quiser fazer isto. Mas porque tão poucos reciclam seu lixo no Brasil? Pra que reciclar o lixo

  1. Reciclamos o lixo para usar menos os recursos presentes na natureza, evitando a degradação do pouco recurso natural que ainda possuímos;
  2. O Brasil recicla pouco, porque custa 15 vezes mais reciclar o lixo do que jogar fora num aterro;
  3. Reciclar é bom porque diminuímos a poluição de rios, córregos, terrenos, ar, ruas;
  4. Reciclar diminui os riscos de doenças e diminui os criadouros de pragas como baratas e ratos;
  5. O Brasil não recicla porque não há iniciativa pública e privada que faça propaganda ou incentive este tipo de ação;
  6. Fazer a separação gera renda e empregos, principalmente na comercialização deste material.

Para que o esforço da reciclagem valha a pena, os moradores de certo prédio ou de certa rua podem entrar em contato com a Coleta Seletiva da Prefeitura de São Paulo, como mostra este site da Prefeitura ou procurar no Google mesmo algumas cooperativas ou empresas que fazem a coleta seletiva na sua região. Sei que é difícil alguém começar a fazer isto, mas considerando que o estado de São Paulo só recicla 0,6% de todo o lixo produzido, esta cidade com o nível de cultura muito maior do que Londrina que recicla 25% do seu lixo, pode fazer muito mais pelo meio ambiente e pela cidade.

Posted in Comportamento, Cultura, Educação, Lixo | Com as etiquetas : , , | 23 Comments »

 
%d bloggers like this: